Mercado reduz previsão da inflação de 4,55% para 4,53% este ano

Home - A PRhosper Educa

O mercado financeiro, em sua terceira semana consecutiva de análises, reduziu a previsão para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial do país, de 4,55% para 4,53% neste ano. Essa revisão está refletida no Boletim Focus, divulgado semanalmente pelo Banco Central (BC), que apresenta as projeções das instituições financeiras para os principais indicadores econômicos.

 

O cenário projetado para 2024 indica uma inflação de 3,91%, enquanto as previsões para 2025 e 2026 permanecem estáveis em 3,5% para ambos os anos. Apesar da redução nas estimativas, a previsão para 2023 permanece acima do centro da meta de inflação estabelecida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN). A meta para 2023 é de 3,25%, com uma margem de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo, resultando em um limite inferior de 1,75% e um superior de 4,75%.

 

Conforme destacado no último Relatório de Inflação do Banco Central, a probabilidade de o índice oficial de inflação ultrapassar o teto da meta em 2023 é de 67%. Para 2024, embora a projeção também esteja acima do centro da meta fixada em 3%, ela ainda se mantém dentro do intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual.

 

O mês de outubro registrou um aumento nos preços das passagens aéreas, exercendo pressão sobre o resultado da inflação, que ficou em 0,24%, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Essa taxa foi ligeiramente inferior à registrada em setembro, que apresentou um acréscimo de 0,26%. A inflação acumulada ao longo deste ano atingiu 3,75%, enquanto nos últimos 12 meses, o índice se situou em 4,82%.

 

A contínua revisão das projeções para a inflação reflete a dinâmica do cenário econômico, sendo influenciada por fatores como variações nos preços de determinados setores, como as passagens aéreas em outubro. O mercado acompanha de perto essas oscilações, ajustando suas previsões em resposta às mudanças nas condições econômicas.

Conteúdos relacionados